frontpage hit counter

BLOG DE ENTRETENIMENTO, FICÇÃO, REFLEXÃO E O QUE MAIS ADIANTE PODERÁ SER VISTO E LIDO (QUEM TIVER PACIÊNCIA...)

Sexta-feira, 11 de Dezembro de 2009
Suíça: Câmara Municipal segrega mulheres com véu...

Na Suiça já são proibidos os minaretes das mesquitas. Agora deixam de atender mulheres muçulmanas com véus... Se calhar, a seguir vão obrigar os gajos de bigode a assobiar modinhas tirolesas...

Em compensação na Arábia Saudita foram proibidos os cães e os gatos nos lugares públicos... Consta que um canito alçou a perna e mijou na real perna do monarca...

O autoriitarismo bacoco vai crescendo em toda a parte. Só cá é que as coisas correm ao contrário... Avança a democracia a todo o vapor.

Veja-se que agora, quando alguém se perde em Lisboa já não pergunta nada a um polícia. Entra no primeiro banco que encontar, dirige-se logo ao gabinete do vice-presidente, entra sem bater e pede a informação do caminho a seguir. Parece mentira mas, é mesmo um vice-presidente (o Armando Vara) que conta isto (e na televisão...). E ainda há mais... É-lhe dada a informação de que necessita e o tal vice-presidente ainda o vai acompanhar ao destino, para o apresentar a quem ele precisar de pedir seja o que for!...

Isto é que é desenvolvimento



publicado por Rui Jam às 23:40
link do post | comentar

Terça-feira, 13 de Janeiro de 2009
A "moda" e os sacrifícios animais...

 

Aqui se apresenta à opinião pública o "resultado" de mais um casaquinho, se calhar feito pela designer de moda e costureira madeirense Fátima Lopes.

 

São conhecidas as respostas que ela dá quando é confrontada com o sofrimento dos animais a quem "retiram" a pele para usos estilísticos. Costuma dizer que lá na Madeira quando era pequena também comia frango e não "ia ver" como é que eles eram mortos...  isto como se uma costureirita tesa como um carapau e analfabeta tivesse criadas que lhe matassem as galinhas...



publicado por Rui Jam às 20:38
link do post | comentar

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2008
Professor pedófilo vai voltar a leccionar...

Vai ser iniciado um movimento que visa recolher assinaturas e levar à Assembleia da República, para aprovação, uma proposta de lei que visa tornar obrigatórias algumas consequências para certas sentenças judiciais...

Por exemplo, aquele professor primário pedófilo que foi "condenado" a dois anos (?) de prisão com pena suspensa (?), findos os quais voltará a leccionar. Neste caso, passaria a ser de lei que os filhos da juíza e dos outros juízes que o "julgaram" teriam de frequentar obrigatoriamente, a escolinha do professor pedófilo e serem seus alunos.

Se calhar uma simples lei como esta era capaz de ser suficiente para que alguns magistrados grandes defensores dos direitos humanos dos criminosos, passassem a ser defensores (nem era preciso ser "grandes"...) dos direitos humanos das suas vítimas.



publicado por Rui Jam às 21:56
link do post | comentar

Domingo, 26 de Outubro de 2008
Leonor "caiu" pelas escadas !...

 

 

Leonor Cipriano foi ”interrogada” por inspectores da PJ, sem a presença do seu advogado como a lei impõe, durante a noite e a horas impróprias, conforme refere o Bastonário da Ordem dos Advogados, dr. Marinho Pinto.

Acabou por não confessar a localização do corpo da filha Joana, que estava suposto ter sido assassinada por ela ou com a sua cumplicidade.

No final do “interrogatório”, e quando regressava à cela onde se encontrava detida, “caiu” pelas escadas abaixo… Há outra versão segundo a qual ela não caiu. “Atirou-se” .... (não pelo vão das mesmas, que podia morrer…), mas pelos degraus propriamente ditos e com “intenção” de se matar (faz-me lembrar um que se enforcou pendurando-se pela barriga porque pelo pescoço “faltava-lha o ar”…).

Até onde se sabe, quando Leonor Cipriano foi entregue às guardas prisionais, a chefe destas, para defesa própria e das subordinadas, tratou de a fotografar. Não fosse depois aparecer alguém a dizer que tinham sido elas a malhar na Leonor [dos jornais].

O “Alma Panada” andou a investigar e chegou à conclusão que quem “cai” por umas escadas, raramente se magoa nos olhos…É mais no nariz, na boca, nas maçãs do rosto, nos maxilares… Aquele tipo de lesões corresponde habitualmente a que leva uns “chapadões” bem puxados ou uns murros que acabam sempre por resvalar para a área dos olhos. Daí a velha expressão popular do “olho à Belenenses” que são o resultado de murros levados na tromba e não de cabeçadas nas traves das balizas.

Vamos seguir com atenção mais este interessante folhetim cujos futuros episódios certamente contribuirão para o aumento do prestígio e da credibilidade da Justiça à portuguesa…

 



publicado por Rui Jam às 22:12
link do post | comentar

Segunda-feira, 11 de Junho de 2007
O que irão agora dizer os bifes?

Inspectores da PJ acusados de tortura...

O Ministério Público (MP) acusou formalmente cinco inspectores da Polícia Judiciária (PJ) por alegado envolvimento em cenas de agressões, em Outubro de 2004, sobre Leonor Cipriano, mãe de Joana, a menina alegadamente morta no mês anterior em Figueira, Portimão, pela própria progenitora e o tio, João Cipriano.

Três dos polícias estão acusados especificamente do crime de tortura, enquanto um quarto responderá por omissão de auxílio e o quinto por falsificação de documento.

Um dos acusados neste processo é Gonçalo Amaral, coordenador da PJ de Portimão e um dos líderes da investigação do caso Madeleine, a menina inglesa desaparecida a 3 de Maio, na Praia da Luz, Lagos.

Os supostos crimes de tortura terão, segundo o MP, sido cometidos durante interrogatórios, com o intuito de obter a confissão, que veio a suceder, de Leonor. A mãe de Joana foi fotografada, pelos serviços prisionais, com face e corpo cheios de nódoas negras.

(in: Jornal de Notícias).

A juntar aos comentários do Times e da Sky News sobre a incompetência, molenguice, machismo ibérico e vocação para lautos almoços (de duas horas…) bem regados a vinho branco e whisky, só faltava mesmo esta de fazer sobressair a veia Gestapol em detrimento da Interpol, na PJ portuguesa.

Resta-nos ficar à espera de nova remessa de mails patrióticos glorificadores da lusa gesta e da incontestável e indiscutível competência da "nossa" polícia, pelo menos a arrancar confissões à porrada


tags:

publicado por Rui Jam às 21:55
link do post | comentar

Sábado, 9 de Junho de 2007
O caso Madeleine e a acção da PJ

«Há elementos da Polícia que deveriam ter mais contenção na relação com a comunicação social, pois isso, de alguma forma, vai causar transtornos à investigação, não só passando alguns conhecimentos da investigação para o exterior, mas dando a impressão de que esta está a ser conduzida tipo 'discos pedidos', em que as pessoas viram para Marrocos, depois viram para Rússia, depois viram para a Inglaterra, depois viram ainda não sei bem para onde» afirmou o criminalista Barra da Costa que falava à agência Lusa à margem do I Simpósio de Psicologia e Crime.

«O que penso que está posto em causa é uma questão de método de investigação criminal», disse, referindo-se aos casos da menor britânica desaparecida em Maio na Praia da Luz e também ao da menor Joana Cipriano, igualmente desaparecida no Algarve.

Reportando-se a dados divulgados pela comunicação social sobre o caso de Madeleine McCann, Barra da Costa observou que a descoberta de «mais de meia dúzia» de ADN na cena do crime mostra que o local «não foi isolado imediatamente e à distância que é devida».

«Primeiro, procuram-se os indícios, as evidências e vai-se à procura, já armado desses indícios e evidências, do autor. O que me parece, de alguma forma, o contrário do que se está a passar lá em baixo [no Algarve]», observou.

Recorrendo ao pensamento do penalista da Universidade de Coimbra Figueiredo Dias, Barra da Costa referiu, citando o docente, que «parece que, em Portugal, se prende para arranjar provas e não, como devia ser, primeiro arranjar as provas e depois prender».

(No Jornal "O Sol" de hoje, 09 de Junho de 2007)

Afinal parece que não são só os ingleses a criticar a Polícia Judiciária!...


tags:

publicado por Rui Jam às 21:12
link do post | comentar | ver comentários (1)

Segunda-feira, 21 de Maio de 2007
A investigação sobre o caso Madeleine...

Numa altura em que os nossos media fazem campanha "pela excelência" do trabalho da PJ, revoltando-se com o tratamento dado ao mesmo na imprensa e TV britânicas, parece chegada a altura de nos distanciarmos destes patrioteirismos bacocos.

Eu, na parte que me toca, é o que faço e explico porquê. É que trabalhei com a polícia inglesa e sei a diferença (enorme) de métodos, organização, (também de meios é verdade), entre a forma de eles trabalharem e o modo como "nós" reagimos e procedemos…

Do "nosso" lado: muita arrogância, muito "armanço", muita falta de profissionalismo, de pontualidade, de espírito de entreajuda, muita improvisação e desvio das normas estabelecidas, muita tendência para trabalho de secretária e pouca inclinação para o trabalho (mais duro e menos visível) de campo, muito desconhecimento de itens importantíssimos para a missão que se está a cumprir com "explicações do tipo " eu (ou nós…) é que sabemos o que é importante…. Enfim uma merda.

 

Muito trabalho só para fingir que se é bom. Para "inglês ver…" (não é por acaso que se inventou esta expressão...).

Hoje mesmo, a polícia britânica lançou um apelo aos turistas ingleses que estiveram de férias na Praia da Luz para que disponibilizem as fotografias e filmes que fizeram no Algarve, nos últimos dias de Abril. conforme noticiaram todas as televisões.

Adivinha-se muito trabalho de sapa...

A nossa PJ apressou-se (conforme informou a SIC Notícias) a esclarecer que já tinha feito esse mesmo pedido...

Não disse é "a quem" o fez!...

Claro que se o tivesse feito teria de o fazer através dos meios de comunicação social e... Nós saberíamos... Ou não?

Como se vê é só foguetes para o ar, conhecida especialidade portuguesa, para inglês ver e, neste caso para "portuga endrominar"...


tags:

publicado por Rui Jam às 20:38
link do post | comentar | ver comentários (1)

pesquisar
 
Setembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Enviar um e-mail ao autor
Contador de Visitantes
free web counter
web counter
arquivos

Setembro 2014

Agosto 2014

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Novembro 2012

Maio 2012

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Maio 2010

Abril 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Outubro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

posts recentes

Suíça: Câmara Municipal s...

A "moda" e os sacrifícios...

Professor pedófilo vai vo...

Leonor "caiu" pelas escad...

O que irão agora dizer os...

O caso Madeleine e a acçã...

A investigação sobre o ca...

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
RSS