frontpage hit counter

BLOG DE ENTRETENIMENTO, FICÇÃO, REFLEXÃO E O QUE MAIS ADIANTE PODERÁ SER VISTO E LIDO (QUEM TIVER PACIÊNCIA...)
Segunda-feira, 24 de Maio de 2010
Mulher engravidou depois de ver filme porno em 3D...

 

 

Um casal branco americano teve um bebé negro e a mulher diz que engravidou depois de assistir a um filme pornográfico em 3D.

O “pai” da criança, o soldado Erick Jhonson, estava há um ano a servir numa base militar no Iraque e, quando voltou para casa encontrou um bebé negro. A sua mulher, Jennifer Stweart, de 38 anos, disse-lhe que a criança tinha sido concebida enquanto ela assistia a um filme porno a 3 dimensões.
– Não vejo porque desconfiar dela. Os filmes em 3 D são muito reais e com a tecnologia de hoje tudo é possível… – disse Erick, que registou a criança como seu filho.
Jennifer afirmou que foi a um cinema pornô com as amigas em Nova York. Disse que não costuma assistir esse tipo de filmes e que só foi dessa vez para ver como ficavam os efeitos 3D. A criança, segundo ela, é parecida com o actor negro do filme.

– Um mês depois de ver o filme comecei a sentir enjoos e o resultado está aqui. Vou processar o cinema e os produtores. Ainda bem que meu marido acreditou em mim. O meu casamento podia estar em risco. Mas ele sabe que eu sou fiel – Disse.

 

Este GI americano se for assistir ao “Como Treinar Um Dragão” em 3D, vem de lá com a roupa chamuscada…

Se se reparar bem o rapazito ainda é parecido com o Anderson, o futebolista do Manchester. Não é?

Se calhar, como ele foi do FC Porto ainda vão dizer que "ali" deve ter andado dedo(?) do Pinto da Costa!......





publicado por Rui Jam às 23:07
link do post | comentar | ver comentários (1)

Segunda-feira, 17 de Maio de 2010
Carta da professora Bruna de Mirandela, a Carla Bruni

 

A stôra Bruna trabalhando no arquivo com o loirinho gay...

 

Dear Madame Carla Bruni,


Afinal que merda é esta?...  Desculpe a rudeza da linguagem mas eu sou transmontana (até sou prima do Jesualdo Ferreira e do Armando Vara) e estou habituada a falar e a dizer aquilo que sinto. Então eu, por mostrar, lá numa revista da especialidade, o meu corpanzil, fui saneada e mandada para um arquivo e você, que passa a vida nua em pelo em tudo quanto é revista de moda e outras, pode ser “Primeira-dama de France”?…

 

A verdade é que toda a gente diz que eu tenho o que mostrar!...  Ao que parece bem mais do que a madame… Só para que veja, lá no arquivo onde agora trabalho, passo a vida a subir um escadote para ir buscar e levar processos às prateleiras mais altas, por ordem do meu novo chefe, o Sr. Francelino, um velhote simpático com uns óculos tipo fundo de garrafa. O problema é que como gosto de usar minissaias o Sr. Francelino já baixou ao hospital com taquicardia galopante isto para além de ter visto as lentes das cangalhas dele estalarem por duas vezes.

Agora mandaram para cá um rapaz novo, loirinho e jeitoso mas desconfio que é gay… (foto acima)

 

O que eu preciso é de ir trabalhar para o arquivo de um político com aspirações a poder vir a ser Presidente da República. Quero ser como a Carla… Preciso de um Sarcozy!...

 

Estou a pensar naquele deputado da mancha branca no cabelo. Sabe quem é? Um que é dos Açores e que tem aparecido muito na televisão. A última vez até foi a gamar uns gravadores a uns jornalistas. O homem não tem grande fama… Mas é solteiro, não tem filhos, deve ser da idade do seu Sarcozy, para aí uns cinquenta e muitos, tem jeito para o gamanço, como se viu, e deve ter um escritório com arquivo (e escadote…).

Se conseguir (e se o açoriano vier a ser presidente…) vamos ser colegas, você e eu. As primeiras damas peladas da Europa. Já temos nomes parecidos e tudo: você é Bruni e eu sou Bruna. Que tal? Até podemos fazer um dueto de striptease: “Bruna e Bruni”… Hem?

 

Diga qualquer coisa. Pode ser em francês...

Bisous...

Bruna




publicado por Rui Jam às 22:33
link do post | comentar | ver comentários (1)

Terça-feira, 4 de Maio de 2010
O TGV vai ter 3ª classe….

 

 

 

É o que nos vai valer… Ainda não é oficial mas está praticamente confirmado. As composições ferroviárias dos comboios de alta velocidade (TGV), da linha Lisboa Madrid, vão ser constituídas por carruagens de três tipos diferentes: alto luxo para a 1ª classe que vai ser designada por “Executiva”, funcionalidade e algum aperto para a 2ª que será chamada de “Turística” e bancos de pau e sanitas turcas para a 3ª baptizada de “Classe Popular”.

Na “Executiva” esperam-se passageiros tipo deputados, membros do Governo, juízes no activo e reformados (nem uns nem outros pagam bilhete, de resto tal como os tais deputados e políticos…) e ainda um ou outro administrador ou dirigente da própria REFER/TGV, que também viajarão, tal como as respectivas famílias, de borla e com gastos de bar e restaurante incluídos no “bilhete”…. Resultado: prejuízo acumulado a juntar à dívida contraída para fazer aquele trambolho.

Na “Turística” viajarão principalmente espanhóis e, mas muito raramente, casais em lua-de-mel (principalmente gays) e uma ou outra família (espanhola) que venha mostrar o Oceanário aos miúdos. Isto é, andará quase sempre às moscas, porque os bilhetes serão caros (é preciso compensar as borlas da Executiva) e os prejuízos anuais irão ser monstruosos. Mas não fará mal porque os pagantes (dos prejuízos a acumular) serão sempre os mesmos…

A “Popular” (3ª classe) foi especialmente concebida para os portugueses, os tais pagantes acima referidos. E foi bem pensada. Vejamos: como os prejuízos esperados serão enormes vai-se tentar recuperar nos bares e no restaurante: um café custará 6,5 euros e uma sandes de fiambre (Jamon de York na linha de Madrid para Lisboa) não se conseguirá por menos de 15 euros (e mal servida). Resultado: o pessoal voltará aos tempos do farnel e do garrafão do tintol o que, de resto, dará uma cor muito lusitana à viagem, principalmente se acrescentarmos uns tuperwares com arroz de frango e com bolinhos de bacalhau.

Ah, e não se poderá esquecer o viajante que nestas carruagens da “Popular” (3ª classe) até o papel higiénico vai ser pago à parte (e caro) pelo que se recomenda a compra antecipada de “A Bola” e de “O Record” que poderão vir a ser muito úteis nas turcas disponibilizadas para o maralhal. Tem de se poupar com esta malta, porque na “Executiva” o papel higiénico para limpar os rabinhos mimosos de quem lá vai viajar (de borla) não poderá faltar. É a vida.


tags: ,

publicado por Rui Jam às 18:39
link do post | comentar

Sábado, 1 de Maio de 2010
Portugal obrigado a importar esperma…

in: Diário de Notícias de hoje

AO QUE NÓS CHEGAMOS!…

 

<< Portugal tem de importar esperma e óvulos para conseguir responder à procura dos casais inférteis, admitiu ontem o presidente do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida (CNPMA), Eurico Reis.

"Existe falta de esperma em Portugal", disse o juiz desembargador, no final da III Reunião Anual do CNPMA com os 26 centros de Procriação Medicamente Assistida e a Sociedade de Medicina da Reprodução, na Assembleia da República, em Lisboa.

Por enquanto, existe apenas um banco de esperma na Faculdade de Medicina do Porto, que recolheu, em 25 anos (!) de existência, 980 (!) amostras de esperma.

Para importar e exportar células reprodutivas, por outro lado, é necessária uma autorização prévia do CNPMA: "Tem de haver uma certificação emitida por uma autoridade do país de onde vem o esperma. O país [exportador] pergunta se temos e nós dizemos que não existe esperma disponível em Portugal", explicou o presidente do organismo.

Não se trata de querer "garantir uma 'pureza' biológica que seja exclusiva dos portugueses", ressalva o juiz, que considera a ideia absurda e racista…>>

....................................................................................................................................................................................................................................

Dadores senegaleses ainda com o recipiente de recolha do "material" na mão...

 

Admite-se assim que os países escolhidos para fornecedores de esperma para as portuguesas sejam o Senegal, o Gabão, a Nigéria e a Serra Leoa,  porque são os mais “em conta” (a crise…!), isto é, os mais baratos da lista. O único (?) problema é que os dadores são negros mas, como o juiz não é racista…

Resta saber se as portuguesas serão avisadas ou se a enxurrada de mulatos vai inundar o país sem aviso.

Por mim, desde que tenham jeito para jogar à bola…


tags:

publicado por Rui Jam às 19:57
link do post | comentar

pesquisar
 
Setembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Enviar um e-mail ao autor
Contador de Visitantes
free web counter
web counter
arquivos

Setembro 2014

Agosto 2014

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Novembro 2012

Maio 2012

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Maio 2010

Abril 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Outubro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

posts recentes

Nova cidade siberiana: An...

Gratidão canina...

Avenida Álvaro Cunhal...

A frase do Ano (para maio...

Lista de quase todas as F...

Já era altura de perceber...

"Zé Brasileiro" português...

A Secretária de Estado, o...

Regresso às Lides!...

Uma comparação... mal "ac...

A história repete-se...

123º Aniversário do nasci...

Sócrates docente na Unive...

Lá vai o relvado de Alval...

Não usem headphones na pr...

Kadhafi pode ser tetranet...

Louçã (ou Santana Lopes) ...

Castelo de Guimaraes incl...

Avião angolano deixa cair...

Cai neve em Portugal...

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
RSS